PauloWritten by: Portugarte

“The Last Departure” encontram-se em “re_encounters”

Chama-se The Last Departure e é um projeto português que esta sexta-feira, dia 25 de dezembro, lança o álbum “re-encounters”.

The Last Departure

Chama-se The Last Departure e é um projeto português conduzido por Rita Amaral Silva e Henrique Monteiro que na passada sexta-feira, dia 25 de dezembro, lançou o álbum “re-encounters”, segundo trabalho do duo.

The Last Departure

The Last Departure foi concebido a solo por Rita Amaral Silva, em pleno início de pandemia, quando ainda nada fazia prever o desfecho do ano de 2020 que foi tudo menos normal.

Guiada por influências de música clássica contemporânea, jazz, post rock e música electrónica, Rita Amaral Silva lançou o primeiro disco em Junho, cujo título foi emprestado do próprio projeto “The Last Departure”.

Seis meses depois, o que antes era um trabalho a solo passou a ser um trabalho em duo, com a entrada de Henrique Monteiro.

Juntos, Rita Amaral Silva e Henrique Monteiro deram um novo rumo, novas formas e traços diferentes ao projeto, acabando por preencher uma lacuna que faltava na sonoridade: a voz.

Foi, precisamente sobre a voz e o poder da palavra que se debruçaram neste novo disco, ao qual deram o nome de “re_encounters”.

Re_encontros. Porque, no fundo, o são. Alguns, resultado de um abrir de portas ao passado, outros, do abraçar de novas descobertas no presente.

Mas sempre com um ponto em comum: o convívio entre pessoas e todas as vivências e experiências que daí resultam dando, por fim, espaço e maturidade para um encontro pessoal e mais profundo.

É o que este duo promete como ponto de partida. No fim, a viagem é de cada um que ouve e interpreta “re_encounters”. Consoante a sua própria história.

“re_encounters” estreia dia 25 de Dezembro em todas as plataformas de streaming digitais e encontra-se à venda no Bandcamp.”

Rita Amaral Silva, 27 anos. Nasceu no Porto mas ao longo da sua vida foi saltitando de sítio, sem nunca ter encontrado muito bem o seu lugar. 

Descobriu o amor pela música ainda antes de conseguir pronunciar a palavra, e desde aí, foi sempre em busca do seu lar e da sua voz. Atualmente estuda Música Electrónica e Produção Musical em Castelo Branco. 

Henrique Monteiro tem 19 anos e é natural de Coimbra, cidade onde cresceu rodeado pela música e pela canção de coimbrã. Iniciou os seus estudos musicais aos 6 anos com o violino. Desde então não conseguiu largar a música, nem a música largá-lo a ele. 



Apoia a Arte Independente

Gostaste deste artigo e queres apoiar o Portugarte?
Podes apoiar-nos com um simbólico café! Segue este link para que continuemos a divulgar o melhor da arte independente.

A arte independente nacional agradece e nós também!


(Visited 1 times, 1 visits today)
Last modified: Janeiro 3, 2021