AvatarWritten by: Artes Documentários Música

“Dolores”, a história de uma cantora controversa, estreia na RTP Play

Dolores RTP

Com autoria, realização e argumento de Tota Alves, chega aos laboratórios criativos da RTP, a mini-série “Dolores“. Um mockumentary criado com um pé na imaginação e outro na realidade, e com estreia apontada dia 26 de Outubro.

A Dolores chegou e arrasou. Ainda a série nem estreou e os 3 singles lançados pela personagem principal que foram lançados ao longo deste último ano, já totalizam mais de 10 mil visualizações no Youtube.

Da história ainda sabemos pouco, mas as músicas que antecedem o lançamento da série de cinco episódios, abrem o jogo à controvérsia e a assuntos que se vão isolando como tabus. Minetes, monogamia e consentimento são questões que surgem nos temas Minetes da Mouraria, Yvagina Eu Y Tu e Cinderela.

Protagonizada por Xana Novais no papel de Dolores, a série conta com as interpretações de Júlia Valente, Luhuna Carvalho, João Soares, Ângelo Sobral, Agostinho Magalhães e com a participação especial de José Carlos Malato.

Uma história que podia ser real

Num mundo em que a fama é um grande indicador de sucesso, Dolores questiona as fronteiras que separam (ou não) o genuíno do artificial – será vontade ou obrigação? Arte ou produto?

Esta série promete ser um mockumentary capaz de gerar incertezas e desconfianças ao espectador, seja pelo formato da narrativa, ou pela afinidade com uma história que poderia estar ao virar da esquina dos tempos que correm. A personagem é ficcional, mas a linha é ténue. Uma narrativa que está recorrentemente a ser percorrida pelos formatos do nosso entretenimento actual e real.

Dolores é uma cantora que, como tantas outras, ficou famosa na internet. Muito rapidamente deixou de ter a vida pacata que tinha – na cidade do Porto – e embarcou num tufão de concertos, entrevistas, álbuns, photoshoots, festas e fama.

Tota Alves,apresenta desta forma, a segunda obra para a RTP Play. Em Março estreou a série documental, o Meu Sangue, que fala sobre a menstruação e o tabu que se desenrola sob o tema.

Apoia a Arte Independente

Se gostaste deste artigo e quiseres apoiar o Portugarte segue este link para que consigamos continuar a divulgar o melhor da arte independente.

(Visited 54 times, 2 visits today)
Etiquetas:, , Last modified: Outubro 22, 2020